Funil de vendas | Arte por Moacir Alves

Funil de vendas: dicas para conquistar seu cliente

Para entender as necessidades de seu cliente e como abordá-lo da melhor forma, é preciso que sua empresa tenha conhecimento sobre o funil de vendas.

Além de impulsionar os negócios, dominar o funil de vendas te auxilia no desenvolvimento de novas estratégias e melhora seu relacionamento com o cliente.

O que é um funil de vendas?

O funil de vendas é uma técnica essencial para o Marketing de uma empresa. Ele é utilizado desde o primeiro contato entre cliente e marca até o momento da venda. 

O nome é dado por conta do método ser semelhante a um funil, onde ele se divide em três etapas: Topo, Meio e Fundo.

Portanto, essa divisão é feita baseada na etapa em que o cliente se encontra em relação à empresa. Vamos entender como o funil de vendas funciona?

 

funil de vendas
Para um bom resultado, é preciso seguir as três fases do funil de vendas. Fonte: Hotmart.

 

Topo de funil

O topo do funil (ToFu) de vendas é classificado como o primeiro contato que o cliente tem com a sua empresa. É o momento que o vendedor vai prospectar e tentar transformar este visitante em um lead.

Essa fase tem como fator-chave o aprendizado. Isso quer dizer que aquela pessoa não necessariamente tinha conhecimento de seu produto, mas a partir do momento em que viu o anúncio, percebeu que precisava saber mais sobre ele. 

Neste momento, sua empresa deverá oferecer todo suporte, como materiais que contenham informações importantes sobre seu produto. Assim, esse visitante tem ainda mais chances de passar para a próxima fase do funil.

 

Meio de funil

O meio de funil de vendas é o momento em que a empresa precisa descobrir a necessidade do cliente. Para que ele vai usar aquele produto? Qual o seu orçamento para tal? Ele precisa desse produto com urgência?

Enfim, é a hora de aumentar a relevância de seu produto e solucionar os problemas desse lead. 

Ainda, essa fase do funil de vendas também é importante pelo relacionamento que a empresa vai construir com aquele cliente. É essencial atendê-lo bem, claro, mas este é o momento para mostrar que você está ciente do problema e quer ajudá-lo da melhor forma possível, e não simplesmente fechar uma venda.

Em suma, é preciso ter cautela nesse momento, pois apenas empurrar o conteúdo para o cliente com a intenção de lucro vai fazer com que ele se sinta pressionado e perca a confiança que ele estava depositando no produto. 

 

Fundo de funil

Essa é a parte mais valiosa para a equipe de vendas. Afinal, é o momento certo de realizar uma proposta certeira para o cliente, não deixando dúvidas de que sua empresa é o melhor lugar para se fazer negócio.

No fundo do funil de vendas, encontram-se todos os leads que foram definidos como MQL (Marketing Qualified Leads ou Leads Qualificados). Isso significa que os clientes passaram por toda a etapa do marketing, que os apresentou o produto e ajudou a definir a necessidade daquele visitante para que ele mantivesse interesse em sua oferta.

A partir daí, é essencial fazer uma proposta que combine com esse lead para que ele possa, finalmente, se tornar um cliente.

 

Pós-venda

O relacionamento com o cliente também faz parte do funil de vendas. Fonte: Freepik/rawpixel.com

Algumas empresas ainda adicionam uma quarta fase no funil de vendas. Assim que o negócio é finalizado e aquele lead se transforma em um cliente, também é possível que ele se torne um promotor para sua marca. Portanto, é muito importante investir no relacionamento com o cliente mesmo no pós-venda

 

Dicas de conteúdos para seu funil de vendas

Agora que você sabe como o funil de vendas funciona, é hora de botar a mão na massa. Mas é preciso seguir todas as etapas cuidadosamente e não pular nenhuma parte, já que isso pode afastar o lead de sua empresa e fazer com que você perca esse potencial cliente.

Confira essas dicas para produzir o tipo de conteúdo certo para a captação desses leads!

 

Posts em blogs e redes sociais

funil de vendas
Produzir conteúdo para blogs e redes sociais é importante ao utilizar o funil de vendas! Fonte: Freepik/rawpixel.com

Essa dica é para atrair o visitante que está no topo do funil, já que ele ainda não conhece seu produto e não sabe que precisa dele. É seu papel fazer um anúncio que chame a atenção para o site de sua empresa.

Assim que o visitante é redirecionado do anúncio para o site, é preciso que ele tenha respostas para suas dúvidas naquele espaço. Por conta disso, produzir posts para blog deixa seu site mais rico e faz com que o possível cliente se interesse cada vez mais pelo seu produto.

 

Newsletter

Esse método também é importante para atingir uma pessoa em topo de funil, já que é um material selecionado especialmente para ele. Além disso, a newsletter é uma forma de se comunicar com o cliente periodicamente, mostrando novidades sobre seus produtos.

 

Cases de sucesso

Nada melhor que procurar um produto para comprar e encontrar outras pessoas satisfeitas com ele, não é mesmo? Além de mostrar o sucesso de sua empresa, a produção de cases de sucesso feita com clientes fundo de funil é muito importante para atrair todas aquelas pessoas do topo. Assim, a empresa mostra, através de avaliações relevantes, como o produto traz benefícios e vale a pena ser adquirido.

Agora que você tem todas essas dicas, aprenda a montar seu funil de vendas!

Conclusão

Utilizar o funil de vendas para sua empresa é muito mais do que simplesmente cumprir etapas. É necessário criar um relacionamento com o visitante para que ele se torne um lead e, finalmente, um cliente. Dessa forma, você obtém sempre os melhores resultados e aumenta sua produtividade.

Gostou desse conteúdo e quer impulsionar as vendas de sua empresa? Entre em contato com a B2B Master!

 

Quer saber sobre o mundo dos negócios?
Então siga o WorkStars nas redes sociais LinkedIn | Instagram | Youtube | B2B para Startups

Compartilhe

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Leia também