Redes sociais: 6 produções sobre os perigos desse mundo

As redes sociais se tornaram um entretenimento perfeito para as pessoas. São bilhões conectadas ao redor do mundo trocando mensagens e compartilhando suas vidas. Somente no Brasil são mais de 159 milhões de usuários que acessam alguma rede social, de acordo uma pesquisa feita pela Statista, banco internacional de estatísticas. 

Entretanto, as redes sociais vão além de um mero passatempo digital. Existem tragédias que envolvem esse universo digital. Temos casos de invasão de privacidade, roubo de dados e outras situações que colocam em risco nossa segurança digital.

Por isso, decidimos trazer uma lista de seis produções da Netflix, para ilustrar que o mundo das redes sociais não é tão seguro e belo quanto parece. Confere aí!

 

Leia mais: Segurança nas redes sociais: confira dicas de proteção

 

O lado sombrio das redes sociais 

 

Terra de Ilusões – Internet, Morte e Mentiras (2022)

“Conspiração, fraude, violência, morte… O que começa no mundo virtual pode se tornar realidade. E quando a rede é mundial, as consequências também são” – É o que diz a sinopse sobre a série na Netflix. 

A produção estreou este ano e os seis episódios da 1° temporada mostram diferentes casos baseados em situações reais. 

O primeiro episódio, intitulado “Assassinado pela SWAT”, mostra a trágica realidade que os trotes podem causar aos serviços de segurança. Em suma, um jogador prega peças fazendo com que agências de emergência enviem a SWAT para casas de pessoas inocentes. No final, essa simples “brincadeira” se transforma em uma tragédia irreversível.

Em “Os Assassinatos de Washington”, vemos o fervor midiático ocasionado por teorias da conspiração sobre a morte de um membro do Comitê Nacional Democrata. Aqui percebemos como as redes sociais catalisam mentiras e teorias alarmistas sobre casos trágicos.

Próximo episódio é o “Eu não sou nazista”. Nele apresenta o caso de uma mulher que se torna a “cara” de um grupo de supremacistas. No fim, o resultado é violência e morte. 

Já o quarto revela o cenário nada “cool” das redes sociais de relacionamento. Aliás, o próprio nome – “O golpista do Tinder” – evidencia o ponto principal do episódio. 

Tanto o quinto, quanto o sexto episódio abordam o mesmo caso. “Quem é o hacker?” conta a história de uma incessante busca do FBI para encontrar dois hackers extremamente preparados. 

 

 

O Dilema das redes (2020)

Lançado em 2020, o documentário, “O Dilema das Redes”, aponta como as redes sociais podem prejudicar a vida das pessoas. Na obra, diversos especialistas, alguns que passaram até pelo facebook e twitter, explicam os efeitos que essas redes podem causar nas relações interpessoais; todos esses impactos mencionados são ilustrados por meio de uma trama ficcional. 

Ao decorrer do longa, o personagem da trama fica cada vez mais “extremista”. Além disso, a produção também revela como as redes sociais podem manipular certos comportamentos humanos. 

 

redes sociais
O Dilema das Redes | Netflix

 

O Golpista do Tinder (2022)

Só de ler o nome, já conseguimos saber qual o enfoque no documentário “O Golpista do Tinder”. Documentário de sucesso produzido pela Netflix, retrata a história do israelense, Shimon Hayut, que se passava por um grande oligarca russo conhecido como “Simon Leviev”. 

Através do aplicativo, Shimon seduzia as mulheres para conseguir aplicar golpes financeiros. 

O sucesso da produção foi estrondoso que a própria Tinder decidiu banir para sempre o perfil de Shimon da rede, e ainda garantiu, através de diversas investigações, que nenhum outro pseudônimo dele pudesse ter acesso novamente ao aplicativo. Além do Tinder, outros sites e redes de relacionamento também o baniram de criar uma conta. 

 

 

Black Mirror – Nosedive (2016)

Uma das séries de maior sucesso da Netflix também não fica de fora quando é preciso retratar questões sérias sobre as redes sociais. O primeiro episódio da terceira temporada de “Black Mirror”, intitulado como “Nosedive” (“Queda livre” em português), retrata um mundo de aparências que só pode ser visto pelas redes sociais. 

Podemos dizer que a série apresenta um dos principais efeitos que as mídias causam nas pessoas: a busca incessante por uma aprovação externa. 

No episódio em questão, a protagonista, Lacie, compartilha seu dia e afazeres de uma forma que aparenta perfeição. Em troca, ela recebe várias “curtidas” e essas definem uma nota, quase como se fosse uma “reputação”. Com um “score” bom, ela consegue vários “benefícios”. Se for ruim, ela perde inúmeras vantagens. 

 

 

 

Rede de ódio (2020)

O thriller polonês, Rede de ódio, fez muito sucesso quando foi lançado. O longa apresenta a história de Tomek, um estudante de direito que, após ser expulso da faculdade, foi convidado para trabalhar com marketing com o intuito de destruir a reputação de um político liberal. 

Nesse novo universo, Tomek descobre o mundo das fake news e propagação de ódio, e é nesse momento que começam as tragédias no filme. 

Um longa que aborda o perigo e as consequências que mentiras e ódios nas redes podem causar às pessoas. 

 

Rede de ódio | Netflix

 

Leia também: Fake news: conheça recursos para identificar notícias falsas

Privacidade Hackeada (2019)

O documentário, “Privacidade Hackeada”, aborda um dos escândalos mais famosos do uso indevido de dados pessoais nas redes sociais. O caso em que a consultoria Cambridge Analytica coletou mais de 87 milhões de dados sem permissão de usuários para influenciar nas eleições norte-americanas de 2016. 

O escândalo é relembrado até os dias atuais, justamente pelo Facebook, maior rede social do mundo, também ter participado dessa ação de coleta de dados de usuários para influenciar nos conteúdos que as pessoas consumiam na rede. 

 

 

Bônus: MARACUTAIAS NAS REDES

Para você que acompanhou essa lista até o final, deixamos aqui um bônus, um documentário que foi lançado no KlaustrofobiaTV em parceria com o WorkStars falando sobre as redes sociais. Confira abaixo:

 

Quer saber mais sobre o mundo dos negócios?

Então siga o WorkStars nas redes sociais Twitter | LinkedIn | Instagram | Youtube | B2B para Startups

Compartilhe

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Leia também

O que é permuta?

Permuta é o ato de troca de um bem por outro, sem a necessidade de