3 redes sociais que podem substituir o Twitter

A maior novidade das redes sociais nos últimos tempos foi a compra do Twitter por Elon Musk. Foram US$ 44 bilhões investido na rede social e muita gente está tensa quanto ao futuro. Afinal, o que vai ser do Twitter agora?

Antes de mais nada, vale recapitular quem é Elon Musk. Ele é o fundador da SpaceX; CEO da Tesla, Inc, vice-presidente da OpenAI, fundador e CEO da Neuralink e muito mais. Recentemente Musk anunciou inovar o mercado de celulares com o Tesla Phone Pi, que deve chegar aos consumidores ainda em 2022. A gente falou sobre essa novidade aqui no WorkStars!

Além disso, Musk também anunciou outra polêmica para 2022: Ele planeja implantar chips cerebrais em humanos. Mas como assim? Como contamos aqui no WorkStars, esse assunto já está na boca do milionário há anos. A primeira previsão era de que isso acontecesse ainda em 2020. Porém, o cronograma de Musk foi oficialmente atualizado e os primeiros experimentos devem começar neste ano de 2022.

E em meio a todos esses lançamentos e novidades de Elon Musk, vem a compra do Twitter. O empresário afirmou que considera criar uma versão do Twitter onde “a liberdade de expressão tenha prioridade máxima” e a “propaganda seja mínima”. Então mudanças estão a caminho! Consequentemente muitos usuários do Twitter começaram a buscar alternativas de redes sociais.

Mas nem todas as mudanças do Twitter tendem a ser negativas. No início de abril, Musk fez uma enquete perguntando aos usuários se eles tinham interesse em um botão para editar tuítes. Em resposta, 73,5% apoiaram a ideia. Coincidentemente ou não, mesmo dia o Twitter anunciou que iria começar a testar a ferramenta em seu serviço de assinatura premium.

Mas e você? O que espera dessa nova fase do Twitter? Vai esperar ou já está em busca de novas redes sociais? Se está em busca de novidades, a gente tem algumas dicas!

 

Novas redes sociais | Fonte: notasdelquijote

 

Mastodon

A Mastodon é uma rede social diferente do que a maioria está acostumado (Facebook, Twitter, Instagram, TikTok). A principal diferença é o código aberto. Mas o que isso significa? O código aberto significa que usuários podem criar e manter as próprias comunidades (abertas ou privadas) dentro do Mastodon. Ou seja: você pode fazer parte de grupos de interesse.

Inicialmente muita gente acaba optando pelo mastodon.social e o mastodon.online por serem mais gerais. Existem mais de 2.400 servidores para explorar e entender em qual “grupinho” você se encaixa.

De modo geral, o Mastodon é bem parecido com o Twitter na hora de navegar pelo feed. Além disso, as postagens têm limite de 500 caracteres. Por que choras, Twitter?

A Mastodon ganhou mais de 30.000 novas contas horas depois da aquisição do Twitter por Musk. Além disso, outros 10.000 voltaram a ser ativas.

 

BeReal

Um estudo de 2019 avaliou cerca de 4 mil jovens entre 7 a 11 anos e mostrou que quanto mais usavam as redes sociais, mais ansiosos e depressivos eles ficavam. Acompanhar influenciadores ou simplesmente os amigos se tornou uma pressão no dia a dia de muita gente.

A BeReal chegou para ser uma resposta ao Instagram (e ao Twitter, de certa forma). Isso porque a ideia é postar a vida real, sem filtros ou planejamento. Todos os dias os usuários recebem uma notificação em horários aleatórios e têm 2 minutos para postar uma foto.

Ou seja: nada de planejar cenários ou se arrumar para a foto! Essa rede social também não tem filtros e preza justamente pelo compartilhamento de momentos do dia a dia.

 

Alternativas ao Twitter e Instagram | Fonte: 300feetout

 

Orkut

O velho amigo dos jovens dos anos 2000! O criador Orkut Buyukkokten reativou o site da rede social em abril. O Orkut é considerado a primeira rede social do mundo, lançada em 2004. Ainda não se tem muitas informações sobre o que será do Orkut, mas essa também pode ser uma alternativa ao Twitter.

A mensagem da rede social dizia:

“Olá! Sou o Orkut. 17 anos atrás eu criei uma pequena rede social enquanto eu trabalhava no Google como engenheiro de software. Em apenas alguns anos, ela se tornou o orkut.com com mais de 300 milhões de usuários. Acredito que o orkut.com encontrou sua comunidade porque reuniu tantas vozes diversas de todo o mundo em um só lugar. E é por isso que estou construindo algo novo. Vejo você em breve”

O que será que vem por aí?

 

Você fazia parte dessa comunidade do Orkut? | Fonte: topzerah

 

Fonte 1 | 2 | 3

 

Quer saber sobre o mundo dos negócios?

Então siga o WorkStars nas redes sociais Twitter | LinkedIn | Instagram | Youtube | B2B para Startups

 

Compartilhe

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Leia também