SMO: Como utilizar as redes sociais como estratégia digital

O SMO é uma técnica do Marketing Digital para aumentar o alcance do conteúdo produzido para internet. Em resumo, trata-se da estratégia de utilizar as redes sociais para aumentar o fluxo de acessos ao seu conteúdo on-line.

A sigla SMO significa Social Media Optimization, ou Otimização de Redes Sociais. Para que você e sua marca utilizem essa técnica da melhor forma possível, é necessário entender como funcionam os algoritmos de busca. Dessa forma você pode criar conteúdos cada vez mais relevante e atrair cada vez mais cliques para seu site.

O impacto das redes sociais na internet não pode ser ignorado. Em 2019 o Facebook atingiu a marca dos 3.2 bilhões de usuários. O número representa simplesmente 42% da população mundial. Esse volume tão expressivo é reflexo da tecnologia mais acessível, internet de melhor qualidade e barateamento dos dispositivos. Ainda com dados de 2019, o tempo médio dos usuários nas redes sociais chegava à média de 2 horas e 22 minutos por dia.

Esse número é realmente alto e trás um alerta para a saúde dos usuários. No entanto, também oferece uma oportunidade para o Marketing Digital e a estratégia de SMO!

 

Fonte: wifflegif

 

Marketing de Conteúdo e SMO

Para ganhar ainda mais acessos e consolidar sua marca na internet, o SMO é um forte aliado do Marketing de Conteúdo. Antes de mais nada, é importante entender o comportamento do consumidor. No Instagram é comum que mais de 80% dos usuários sigam pelo menos uma marca.

A parte interessante é que o Google tem plena consciência da importância das redes sociais. Por isso o algoritmo de busca é adaptado para identificar conteúdos que são mais relevantes nas redes sociais. Então podemos dizer que os mecanismos de buscas (SEM) são grandes aliados e complementam as estratégias utilizadas nas redes sociais (SMO).

Portanto é simples constatar que as redes sociais se tornam um caminho importante para alcançar os clientes. Além disso, o SMO também oferece outros fatores bastante relevantes por consequência:

 

LEIA MAIS: Saiba como o Metaverso vai revolucionar a internet e quais marcas estão por lá

 

  • Humanizar a marca: você pode utilizar conteúdos que humanizem a marca como forma de atrair clientes para seu negócio. Dados mostram que 73% das pessoas afirmam que se sentem mais próximos de marcas mais humanas e que se preocupam com os problemas das pessoas.

 

  • Feedback dos clientes: As pessoas querem ser ouvidas. Portanto uma tendência fortíssima de mercado é o feedback por parte dos clientes. Essa opção de comunicação é facilitada nas redes sociais (e consequentemente pelo SMO). Inclusive, uma oportunidade de conteúdo é justamente utilizar depoimentos positivos como forma de promover seu serviço ou produto.

 

  • Busca orgânica: a melhor forma de chegar ao seu público é de graça. É claro que esse é o “sonho de princesa” de qualquer agência de marketing, mas é a realidade. Se você conseguir converter acessos e vendas de forma orgânica (ou seja, sem anúncios pagos), o cliente será fidelizado muito mais fácil. As técnicas de SMO podem fazer com que um cliente tenha mais interesse em seguir e consumir produtos de determinada marca. Esse cenário ideal é muito mais difícil de alcançar e portanto conteúdos pagos são sempre bem vindos!
Fonte: dribbble

 

 

Como colocar em prática o SMO?

Se você chegou até aqui, já entendeu como funciona o SMO e talvez já tenha algumas ideias. Não existe um tutorial específico que você e sua marca possam seguir para alcançar os melhores resultados de engajamento. No entanto, temos algumas dicas que você pode aproveitar.

  • Faça conteúdos que gerem interações. 

Esse é o básico da prática do SMO, certo? Então esbanje criatividade, mas fique atento aos caça cliques e conteúdos desnecessários. Você quer engajamento, mas também quer fidelização. Tenha sempre muito cuidado com seus clientes já conquistados. Além disso, uma sugestão é sempre trazer um Call To Action pedindo que seus seguidores curtam, comentem ou se inscrevam no seu perfil. Outra dica é sempre criar conteúdos compartilháveis. Na dúvida, pergunte a si mesmo: Eu compartilharia esse conteúdo no meu perfil se não fosse da minha própria marca?

 

LEIA MAIS: 13 ferramentas do Google que vão mudar sua vida

 

  • Tenha uma comunicação integrada

Fique atento à identidade da sua marca. É necessário manter a mesma comunicação em todos os canais. Isso serve para os mais diversos sentidos. Seja conteúdo publicado, cores, fontes, tom de voz e absolutamente toda a comunicação que chegar ao cliente. Seu consumidor final precisa reconhecer sua marca rapidamente e mais que isso: não pode haver nenhum estranhamento. Se você ganhou confiança no Instagram, não quer perder no Twitter!

 

  • Frequência

Essa talvez seja a parte mais difícil. Estabelecer a frequência e horário de postagens é um verdadeiro desafio. Existem estudos que falam sobre os melhores horários para produção de conteúdo nas redes sociais, mas você precisa identificar sua própria estratégia de SMO. Isso porque cada nicho e cada público tem um hábito específico. Enquanto um público tem resultados melhores com posts diários, o outro tem mais engajamento com posts semanais. Portanto faça testes e descubra seu próprio método.

Fonte 1 | Fonte 2 | Fonte 3

Quer saber sobre o mundo dos negócios?
Então siga o WorkStars nas redes sociais LinkdIn | Instagram | Youtube | B2B para Startups

Texto de Gabriela Leão
LinkedIn | Instagram | Saiba Mais

Compartilhe

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Leia também